sábado, 31 de maio de 2014

Este blogue entra em férias

Por motivos particulares vamos ter que fazer uma pausa. Mas em breve voltaremos com novas postagens. Releiam os textos publicados, prestigiem e indiquem aos seus amigos. Desculpem pela espera e agradeço antecipadamente pela paciência. Voltaremos na melhor hora.

sexta-feira, 30 de maio de 2014

Vídeo de reportagem sobre ETs é precedido de propaganda com ETs

Uma engraçada coincidência foi vista no site UFO Portugal quando da postagem de um vídeo sobre o achamento de uma suposta mensagem extra-terrestre que foi colocada em uma área rural.

Quem utiliza frequentemente o YouTube, sabe que alguns vídeos, para que possam ser inseridos no site sem cobrar do usuário, são precedidos de vídeos publicitários que podem ser interrompidos durante segundos. E esse anuncio precedeu uma reportagem intitulada "Teria sido uma possível tentativa de contacto?".

O vídeo que precedeu tal reportagem era o "Funk dos Marcianos", um engraçado anúncio que mostra dois alienígenas bobos dançando ridiculamente ao som do infame gênero musical.  Um desavisado poderia pensar que o anúncio em questão é que era a tentativa de contato dos extraterrestres.

Claro que quem é sério percebeu que o anúncio nada tinha a ver com a reportagem. Mas que ficou uma engraçada coincidência, ah, ficou! Até pela combinação entre o título da postagem e da propaganda exibida.

Abaixo, os Print Screens do anúncio que o precedeu e da reportagem que veio depois.


domingo, 25 de maio de 2014

Feliz Dia do Orgulho Nerd!!!

Hoje é um dia muito feliz para a "tribo" que eu pertenço: Hoje é o Dia internacional do Orgulho Nerd.

Por incrível que pareça, o Dia dos Nerds surgiu na Espanha,apesar de alguns movimentos terem ocorrido antes em Nova York, sem a intenção de criar uma data. Os espanhóis é que tiveram essa iniciativa, depois espalhada pelo mundo via internet. Hoje é reconhecido mundialmente o 25 de Maio como dia dos nerds, ou do orgulho nerd.

Dois motivos são apontados para o surgimento da data: era o dia de lançamento do primeiro filme da saga Star Wars, muito apreciada por nerds (e não estou fora disso, adoro essa saga, embora prefira Star Trek, por este último ter me acompanhado por quase toda a infância). Mas também é o "Dia da Toalha", fato mencionado no filme Guia dos Mochileiros das Galáxias, que junto ao filme Vingança dos Nerds, é considerado o mais típico filme sobre a tribo, que se conhece.

Seja qual for o motivo de comemoração, desejo aqui toda a felicidade do mundo a essa gente desengonçada e muito inteligente que quer mostrar (mesmo sem sucesso) o seu valor. Feliz dia dos nerds, pra vocês, e para mim também!!! Vida longa e próspera para todos!

domingo, 11 de maio de 2014

A DC Comics vai lançar gibi com a versão cômica do personagem, consagrada pelo seriado de 1966

Após anos tentando devolver o personagem Batman ao universo soturno e sisudo que está mais de acordo com a sua história de homem-morcego, a DC Comics anunciou que irá fazer um novo gibi com base na versão cômica do personagem, consagrada pelo seriado protagonizado por Adam West, com Burt Ward no papel de um Robin meio pateta, produzida a partir de 1966.

Apesar de preferir a versão de Frank Miller, eu acompanhava na infância esse seriado, que passava na televisão em 1976, 10 anos depois de sua estreia. Era engraçado, mas divertia. As estranhas cenas de luta com palavras escritas na tela representando a onomatopeia dos golpes ficou como marca registrada do seriado e é muito imitada até hoje em outros seriados cômicos. 

Um desenho animado inspirado nesta versão e produzida pela Filmation (Archies, Super-mouse, Missão Mágica, He Man) teve duas temporadas, uma ainda no meio dos anos 70 e outra nos anos 80.

Estranho, mas interessante relançar o Batman cômico para que todos possam conhecer as mais variadas versões de um personagem consagrado pela historiografia dos heróis que conhecemos até hoje.


sexta-feira, 9 de maio de 2014

Mighty Quinn

No ano passado a belíssima, curvilínea e meiga Molly Quinn apareceu bem charmosa com uma camiseta do Superman sob uma camisa abotoada. A explicação para isso é que a beldade, muito adorada pelos nerds, foi escalada para fazer a voz da Super Girl e estava divulgando esse fato. Uau! Isso é o que podemos chamar de Mighty Quinn, não é, Mister Bob Dylan*?



------------------------------------------
* OBS: A música nada tem a ver com a atriz, mas se referi-la como a "Poderosa Quinn" dá um gostinho a mais para a atriz, que já é bem gostosa, não acham?

quarta-feira, 7 de maio de 2014

"Abri a porta", em versão nerd


Um trecho da famosa música gravada pela banda baiana A Cor do Som, adaptada para a realidade nerd. Triste isso.

Abri a porta,
Apareci,
A mais bonita,
Sorriu pra mim... Fugiu de mim

domingo, 4 de maio de 2014

Porque as mulheres estão cada vez mais difíceis de conquistar?

Todos sabem que é difícil conquistar uma mulher. Tradicionalmente as mulheres são educadas pela sociedade a se fazerem de difíceis durante a conquista. Os motivos são vários, mas isso representa uma honra a elas. 

Fatores contribuem para que isso se torna um hábito: facilidade na conquista de homens, excesso de homens e desconfiança. Os abusos do machismo e a violência contra a mulher contribuíram muito para que as mulheres se retraíssem ainda mais durante o processo de conquista.

E os homens que conseguem conquistá-las? porque eles conseguem? Bom isso é segredo de estado. Pode ameaçar qualquer homem de morte (ah, como seria bom um mundo com menos homens...) que ninguém vai dizer como. Muitos nem sabem porque conseguem (sorte?) e outros temem favorecer os concorrentes. Os que se dispõem a dar algum conselho, se limitam a dicas superficiais e que levem em conta apenas a parte instintiva, se esquecendo que o ser humano é um ser racional e padrões instintivos, embora presentes, não são fatores únicos durante a conquista.

Mas como vários homens conseguem conquistar essas mulheres difíceis, é ainda um mistério. Mas fácil conhecermos o que acontece no cotidiano do FBI do que conhecer os segredos de conquista do homem brasileiro. Mas tenho uma hipótese bem prosaica: money, dinheiro, grana, bufunfa. Isso mesmo. 

Como ainda vivemos de instintos e um dos traços instintivos das fêmeas e serem interesseiras, pode ser que tenhamos uma resposta. Todos os homens bem sucedidos na conquista são bem sucedidos profissionalmente, de uma forma ou de outra. Muitos nem tem qualidade na personalidade, uns sendo burros, outros chatos e outros burros e chatos ao mesmo tempo. Só o sucesso financeiro pode explicar porque os homens mais babacas se dão melhor na vida afetiva que os não-babacas.

Excesso de homens traz tranquilidade as mulheres

Outro fatos que favorece o comportamento difícil das mulheres é o excesso de homens, somada a facilidade para conquistá-los. Enquanto os homens para conquistar as mulheres precisam satisfazer uma coleção de exigências que satisfaçam os critérios de protetor/provedor, as mulheres só precisam ser bonitas, gostosas e simpáticas. Isso cria um desequilíbrio de desempenho durante o processo de conquista.

Sobre o excesso de homens, uma revelação: do contrário que a mitologia sugere, entre a infância, até os 60 anos, a maioria é masculina. O problema é que eles são difíceis de serem contados pelo censo, graças ao emprego e no caso dos pobres, da proibição de entrada de recenseadores em favelas.

Por isso, para satisfazer os desejos machistas do turismo sexual, é estimada sempre uma maioria feminina, para não espantar a demanda masculina que, atraída pela fama do país de paraíso sexual (um fato triste, mas real), possa ajudar a aumentar a mão de obra e os investimentos, tradicionalmente vindos de mãos masculinas. Um pensamento machista, típico de quem acha que mulher só serve para fazer filho, faxinar e "pilotar" fogão. Fazer o quê? Se quase todas as autoridades pensam desta maneira...

A verdadeira maioria feminina se encontra na faixa acima dos 60 anos, já que os homens não costumam se cuidar, além de adorar atividades de risco, morrendo mais cedo que as mulheres da mesma faixa etária. Acho que cometer suicídio aos 40 anos (minha faixa atual) soaria menos hipócrita e favoreceria os homens não machistas a realizarem a vida afetiva. Mas as vovozinhas que representam a verdadeira demanda feminina cantada em verso e prosa por toda a sociedade ninguém quer, não é? Nem os velhinhos que tratam a mulher feito carro, que tem que ser sempre bem novas. Mais pensamento machista. Bah!

E esse excesso de homens nas faixas reativamente mais jovens, fazem com que as mulheres fiquem tranquilas no processo de conquista. Se a dificuldade que uma delas impõe durante a conquista falhar, ela não se preocupa. Há outros homens na fila para substituir aquele que falhou. Mesmo que o que falhou tenha sido o favorito, a mulher se conforma em trocar o amor que sentiram pelo tímido desejado pelo interesse materialista de um outro qualquer. É assim que as coisas funcionam pois para a mulher de hoje, se guardar para um homem é sinônimo de ser trouxa, mesmo que de fato isso não seja.

Há solução?

Uma pergunta que me recuso a responder. A solução exclusivamente se encontra numa mudança total da sociedade (tanto de homens quanto de mulheres - todos devem mudar) quanto a convicções e comportamento. A sociedade ainda age como há séculos, com poucas mudanças (que todos pensam ser radicais, embora não sejam). Priorizar a razão e a sensibilidade em relação e subestimar os instintos pode ser um grande avanço na tentativa de criar relações afetivas mais justas e mais sinceras, onde quem realmente mereça possa se dar bem na vida afetiva.