sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Dançarina do ressuscitado É o Tchan diz que falta homem



Uma dançarina que integra a nova formação do embuste que fundou o pagode-bunda baiano, que atende pelo pomposo nome de Karol Loren e que pretende ser "uma grande designer" (ela nem deve saber o que é isso...) após sair do embuste, falou que está difícil arrumar homem para namorar. É mesmo?

Pergunta a Elaine Bast se foi difícil arrumar homem.

Pergunta para Christiane Pelajo se foi difícil casar de novo.

Pergunta para Letícia Spiller se está difícil arrumar homem.

Pergunta para Sheron Menezes se ela sabe o que é solidão.

Pergunta para Ana Paula Arósio se foi difícil arrumar marido.

Pergunta para qualquer mulher de classe, inteligência e boas referências culturais se é difícil encontrar homem para namorar e casar.

Ora, Loren, se manca e pega o primeiro estivador analfa que encontrar pela frente. É o que combina com boazudas vulgares e vazias como você.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

"Quem gosta de estudar não é admirado no Brasil", afirma cientista chinês

OBS: Recado ao povo imbecil que predomina em nosso país e que idolatra os jogadores de futebol (maior exemplo de pessoas excessivamente valorizadas em nosso país, algo que o cientista se esqueceu de citar) como se eles fossem "guerreiros sábios lutando em nome da pátria": o cérebro fica na cabeça e não nos pés e sem aprendizado básico ninguém é nada.

Ouvindo as vozes de Neymar e Ganso, os queridinhos do momento, nota-se que nem o básico eles sabem direito, pronunciando mal as palavras e demonstrando total ignorância quando perguntados sobre seus gostos e opiniões. Bichos aprendendo a ser gente.

É triste ver que caras ignorantes como Neymar e Ganso são ultra-valorizados nesse país, incentivando os jovens a abandonarem a boa cultura, a não correrem atrás de pesquisa e informação e subestimar a classe e o bom gosto. Deste jeito o país nunca evoluí, os medíocres chegam a posições privilegiadas, tomando o lugar de gente com sabedoria, que sofre em nosso país, graças a importância que a TV, grande guru da massa acéfala a coisas fúteis e inúteis e a pessoas sem capacidade de realizar (verdadeiros) grandes feitos.

Como se correr atrás de uma bola e chutá-la em uma rede pudesse salvar a humanidade e desenvolver o país. Como se uma taça conquistada em um campeonato de futebol compensassem todas as injustiças.

Ah! Nada contra jogadores de futebol. Mas não acham que para o que eles fazem, eles não estão sendo tratados com importância demais? O que eles fazem é apenas diversão, provocar risada, nada mais. O Brasil não vai ficar melhor por causa deles, certo?

"Quem gosta de estudar não é admirado no Brasil", afirma cientista chinês

RICARDO MIOTO - FOLHA DE SÃO PAULO - 19/07/2010 - 12h12

Guo Qiang Hai, 48, físico chinês que mora em São Carlos (SP) desde 1993, veio para o Brasil sem conhecer ninguém, atrás de uma bolsa na Universidade Federal de São Carlos. Desde 2003 é professor da USP.

Adora o país, mas está preocupado. Tem uma filha de um ano com uma brasileira e acha que as escolas que ela vai frequentar não são tão boas quanto as chinesas.

"Na China a escola é em tempo integral, o aluno sempre volta com tarefa. Se precisar, ele estuda no sábado."

Para Hai, a escola chinesa não é melhor apenas que a brasileira. Ele tem outra filha, que estudava na China até o ano passado. Com dificuldades em matemática, tinha um professor particular.

Quando a menina se mudou com a mãe (também chinesa) para a Austrália, se tornou a melhor da turma na matéria. "Todos falam para ela "nossa, como você é inteligente'", conta Hai, rindo.

"Além de o professor chinês ganhar bem, os alunos respeitam. Existe uma cultura que valoriza o conhecimento. Aqui não é bem assim. Na TV, parece que só se admira quem participou do Big Brother, tem dinheiro, é modelo. A sociedade não põe na cabeça das crianças que elas têm de estudar."

Isso se reflete na qualidade da pesquisa brasileira, diz Hai. Ainda assim, ele diz que a valorização da ciência tem melhorado: "Em São Paulo, não falta financiamento".

Folga

Para o pesquisador é estranho sofrer pouca cobrança. "O docente aqui é funcionário público, não tem tanta pressão como nos EUA ou na China. Aqui existem muitos que se dedicam dia e noite, mas quem não faz nada continua na universidade."

Existem problemas, mas é preciso ressaltar as qualidades do país, diz. "As pessoas são legais, é fácil fazer amizade. Eu gosto muito, gosto do clima. Só português eu achei meio complicado", brinca.

Hai acompanha com otimismo as notícias de seu país. "Quando saí da China para a Europa, em 1988, ela era bem fechada. Hoje mudou muito. Ainda não existem jornais particulares, a TV é estatal. Mas você pode falar com os seus amigos o que quiser. Não é que nem a gente vê na televisão aqui."

Diz se impressionar com o crescimento econômico chinês. "Todo mundo está querendo ficar rico. Deus é grana", brinca. "Se você tem dinheiro, faz o que quiser."

sábado, 20 de novembro de 2010

Gostosas, mas com classe



Eu não gosto de vulgaridade. Para quem não sabe, vulgaridade é quando a sensualidade é colocada fora de seu contexto ou é exagerada, ou ainda vem de gente vazia que só vive em explorar seu próprio corpo. Isso é grotesco e nojento ás vezes.

Mas a sensualidade, dentro de seu contexto e vindo de mulheres que não vivem de explorar seus corpos, é muito bem vindo. Sensualidade é um sinal de boa auto-estima e da vontade de conquistar as pessoas. Deve ser feita com jeito e respeitando o contexto, a lógica e nunca deixando de respeitar a si mesmo, evitando a todo custo de cair no ridículo ou no grotesco.

Recentemente, estas quatro atrizes apareceram em trajes que valorizam bastante a perfeita forma física de cada uma. Mas todas estas possuem classe, charme e delicadeza, que permitem que elas possam mostrar seus dotes físicos sem cair na vulgaridade.

Quem conhece a biografia destas gatas, sabe do que estou falando. Jessica Lowndes tem uma beleza sensual, mas o semblante de seus olhos transmite alguma meiguice. Selena Gomez é a delicadeza personificada. Natalie Portman e Emma Watson já são símbolos consagrados da sofisticação feminina. Como vemos, todas elas fogem de qualquer acusação de vulgaridade.

Dá para se sentir excitado por estas mulheres, admiradas também por seu talento, charme e dignidade.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Jennifer Love Hewitt gosta que namorados posem com ela em eventos



Ei, amigo! gosta da Jennifer Love Hewitt, não é? Eu também gosto. Ela é linda, charmosa, inteligente, gostosa, um pitéu, não acha?

Mas gosta de sossego e privacidade? Se quer ser o próximo namorado de Hewitt, desista. Ela é do tipo grudenta (nada contra grudentas) e tem o hábito de levar seus namorados para o tapete vermelho. Foi assim com Ross McCall, foi com Jamie Kennedy e está sendo com Alex Beh (este 4 anos a menos que ela).

O próximo da fila que se prepare: aprenda a gostar de tapete vermelho e dos holofotes em sua cara. A bela Jennifer irá agradecer pela sua auto-exposição.

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Campus Party atrai a atenção de "falsos nerds"

Parece que todo mundo agora encanou de ser chamado de "nerd". Parece que assumir o rótulo, mesmo não tendo sequer uma das caracteristicas típicas da "tribo", virou moda. Não entendo o porque disso.

Quem conhece a imagem tradicional do nerd, sabe que o nerd típico é um excluído, desengonçado, de vida social nula ou limitada a seus similares e que usa o computador para tentar compensar a comunicabilidade que não existe de outra forma.

Mas no Brasil, cismaram que basta gostar de computador, quadrinhos de aventuras e bundas grandes de boazudas nulas para ser considerado nerd. E de preferência, não pode ser asperger, ter TDAH e ser vítima de bullying, caractarísticas comuns nos nerds tradicionais.

Está para acontecer no Brasil, o Campus Party, que está sendo rotulado de "evento nerd", embora seja uma feira de informática e internet feita para qualquer tipo de pessoa que goste de tecnologia, sobretudo de computadores. Mas é um prato cheio para oportunistas se fingirem de coitadinhos, vencendo na vida às custas de um rótulo de "perdedor".

Sei de muito carinha metido que assume o rótulo e que nada tem a ver com o perfil lançado pelo filme A Vingança dos Nerds. Dá para perceber de longe que não é nerd coisa nenhuma. Muitos até se assemelham com os bebuns viciados em esportes (no Brasil, futebol) que vemos em muitas comédias machistas que vemos por aí.

Eu tinha escrito que não vou mais assumir o rótulo. O perfil imposto ao atual nerd brasileiro (colocar o falso perdedor no lugar do verdadeiro: quer forma de bullying mais bem sucedida que isso?) nada tem a ver comigo. Para mim, o Campus Party, é mero evento de informática e infelizmente está servindo para colocar muito picareta para se posar de coitado e impedir que verdadeiros nerds alcancem os direitos básicos que não conseguem ter (e continuam não conseguindo).

São como penetras em uma festa qualquer. Ninguém convidou, eles não possuem o perfil dos convidados, mas mesmo assim, eles estão lá, acabando com todo o estoque de comida e incomodando ainda mais os convidados.

Eu até iria ao Campus Party, se pudesse. Mas iria não somo "nerd" mas como um assíduo usuário de computador, sempre atento as novidades que possam aparecer e com vontade de ampliar contatos e amizades.

Mas francamente, usar um rótulo de perdedor para ganhar vantagem é o cúmulo da babaquice.

sábado, 9 de outubro de 2010

Deficit TDAH Adulto e diagnósticos

OBS: Como um quarentão portador de TDAH, tenho a obrigação de postar isso. As minhas maiores dificuldades na vida têm relação com o TDAH.

Deficit TDAH Adulto e diagnósticos

sexta-feira, 8 de outubro de 2010 - Extraído do blog Crianças Felizes Demais

Confira os 10 sintomas mais comuns em adultos com déficit de atenção:

Os critérios diagnósticos convencionalmente utilizados para TDAH, incluindo os sintomas mais comuns, foram desenvolvidos com base na forma como ele aparece nas crianças. Estes sintomas incluem esquecimento excessivo, desatenção, bem como uma incapacidade de se sentar quieto, constantemente se mexendo. No adulto, os sintomas do déficit de atenção e hiperatividade se manifestam de maneira diferente, mais sutil. Isto pode tornar mais difícil reconhecer e diagnosticar TDAH adulto.

Sintoma n º 1: Problemas Com a Organização
Para as pessoas com TDAH, o aumento das responsabilidades da idade adulta – trabalho, contas a pagar, e as crianças, para citar alguns – pode dar problemas com a organização mais importantes e mais nocivas do que na infância. Embora alguns sintomas TDAH são mais irritantes para as outras pessoas do que para a pessoa com o problema, a desorganização é frequentemente identificado por adultos com TDAH como um grande aspecto do seu impacto na qualidade de vida.

Sintoma n º 2: Dirigir carro destraidamente – Acidentes de Trânsito
No TDAH no adulto torna difícil manter a sua atenção em uma tarefa, para passar o tempo ao volante de um carro pode ser difícil. Devido a isto,o TDAH pode tornar algumas pessoas mais susceptíveis a acidentes de trânsito, e até perder a sua licença de motorista, sem falar as multas e pontos na carteira.

Sintoma n º 3: problemas conjugais
Muitas pessoas sem TDAH têm problemas conjugais, naturalmente, um casamento conturbado não deve ser visto como um sinal de alerta para adultos com TDAH. Mas existem alguns problemas que tornam particularmente susceptíveis as pessoas com TDAH de terem seus relacionamentos atrapalhados. Muitas vezes, os parceiros de pessoas diagnosticadas com TDAH veem o seu conjuge com dificuldades de escutarem pedidos feitos e até uma incapacidade de honrar compromissos, fica como um sinal de que seu parceiro não se importa. Se você é a pessoa que sofre de TDAH, você pode não entender por que seu parceiro está chateado, e você pode sentir-se culpado por algo que não é sua culpa.

Sintoma n º 4: Distração Extrema
O Déficit de Atenção e hiperatividade é um problema com a regulação da atenção, na forma adulta do TDAH, a pessoa pode ter difículdade grande em focar, gerando uma distratibilidade muito grande. A distração pode levar a uma história de baixa performance na carreira, especialmente em cargos de alta competitividade. Se você tem TDAH, você pode descobrir que telefonemas ou e-mails, ruídos, qualquer solicitação externa afetam a sua atenção, o que torna difícil para você para terminar de fazer alguma coisa. É comum ver pessoas com déficit de atenção que começam as coisas e nunca terminam

Sintoma n º 5: Dificuldade em Ouvir
Você viaja no pensamento durante as longas reuniões? Será que seu marido esqueçe de pegar seu filho na escola, mesmo que você ligou para lembrá-lo disto? Problemas com atenção resultar em má compreensão oral, em muitos adultos com TDAH, o que conduz a uma série de mal-entendidos.

Sintoma n º 6: Inquietação, Problemas para Relaxar
Embora muitas crianças com TDAH são “hiperativas”, este sintoma freqüentemente aparece diferentemente TDAH em adultos. Os adultos com TDAH estão mais propensos a apresentar agitação ou achar que não podem relaxar. Se você tem TDAH, outros podem te descrever como uma pessoa nervosa ou tensa.

Sintoma n º 7: problemas ao iniciar uma tarefa
Assim como as crianças com TDAH frequentemente adiam o início da realização da lição de casa, as pessoas com TDAH no adulto frequentemente se arrastam ao iniciar tarefas que exigem muita atenção. Esta procrastinação agrava muitas vezes os problemas já existentes, incluindo desavenças conjugais, problemas trabalho, e problemas com os amigos.

Sintoma n º 8: Atraso Crônico
Existem muitas razões para adultos com déficit de atenção e hiperatividade serem geralmente atrasadas nos compromissos. Primeiro, eles são muitas vezes distraídas no caminho até um evento, talvez percebendo que o carro precisa ser lavado e, em seguida, percebendo que eles estão com pouca  gasolina, e antes que eles percebam que já passou uma hora. Pessoas com TDAH também tendem a subestimar o tempo que leva para finalizar uma tarefa, se é uma tarefa importante no trabalho ou uma simples tarefa de casa.

Sintoma n º 9: Ímpetos de raiva
O TDAH freqüentemente leva a problemas com o controle das emoções. Muitos adultos com TDAH são explosivos com pequenas questões, tem o chamado pavio curto. Muitas vezes, a pessoa com TDAH sente como se eles não têm controle sobre suas emoções. Muitas vezes, a sua raiva aparece mais rapidamente que a capacidade em controlá-la.

Sintoma n º 10: Prioridade nas Coisas
O déficit de atenção pode causar dificuldades no planejamento das ações. As pessoas adultas com TDAH tem dificuldade em priorizar as obrigações mais importantes a cumprir, como o término de um trabalho, enquanto gasta inúmeras horas em algo insignificante, como um vídeo game.

Tratamento do TDAH no adulto

O tratamento do TDAH começa com o diagnóstico correto feito por um médico. Existem boas opções de tratamento do TDAH no adulto. As mesmas medicações usadas na criança podem ser usadas no adulto. O tratamento medicamentoso deve ser reservado para os casos nos quais aconteça algum prejuízo, alguma dificuldade na vida do paciente. Considerando que o TDAH pode estar associado a probelmas diversos como quadros depressivos, ansiedade, problemas com álcool e drogas, estas condições devem sertratadas também.

MEDIDAS NÃO FARMACOLÓGICAS

Várias linhas de psicoterapia podem ser indicadas. No caso de adultos casados, com freqüência algumas intervenções necessitam ser realizadas com o cônjuge. No caso de crianças e adolescentes, há programas de orientação e treinamento para pais e professores. Existem propostas muito interessantes de reestruturação do ambiente escolar e doméstico para crianças com Transtorno do Déficit de Atenção com ou sem Hiperatividade. Existem também várias recomendações que podem ser fornecidas ao paciente, de acordo com cada caso em particular, que amenizam suas dificuldades no dia-a-dia (tais como esquecimentos, uso de agenda, foco em uma tarefa, etc). Associação de técnicas Cognitivo Comportamentaiscom tratamento medicamentoso tem eficácia comprovada.

TRATAMENTO COM REMÉDIO

Existem muitos profissionais que prestam um GRANDE DESSERVIÇO à comunidade quando afirmam em meios de comunicação que os medicamentos “entorpecem” os pacientes, os tornam “robotizados”, “zumbis” e que este é um meio artificial de controle da doença. Geralmente são profissionais que não podem receitar medicamentos, é claro. Estão desinformados e provavelmente nunca acompanharam de perto um número suficiente de pessoas com Transtorno do Déficit de Atenção com ou sem Hiperatividade antes e depois do tratamento farmacológico para observar a enorme diferença na vida destes indivíduos.

Vários remédios podem ser prescritos no tratamento do Transtorno do Déficit de Atenção com ou sem Hiperatividade, havendo evidências mais sólidas de eficácia com os psicoestimulantes Metilfenidato (Ritalina ou Concerta), Pemoline (Cylert), e as Anfetaminas (Dexedrine, Adderall) não são disponíveisno Brasil. Em alguns casos o modafinil (Stavigile) pode ser usado.

Os Psicoestimulantes são a primeira escolha no tratamento de Transtorno do Déficit de Atenção com ou sem Hiperatividade segundo o NIH – National Institute of Health, dos EUA. Existem mais de 170 estudos clínicos, com mais de 6.000 pacientes avaliadas, sendo que 70% respondem com um único estimulante (o que é considerado muito bom). Os psicoestimulantes melhoram não apenas os sintomas típicos de Transtorno do Déficit de Atenção com ou sem Hiperatividade (desatenção, impulsividade e hiperatividade), como também aqueles de condições coexistentes (especialmente ansiedade e depressão) além das explosões de raiva e comportamento intempestivo.

EFEITOS COLATERAIS

Os efeitos colaterais com o uso de psicoestimulantes ocorrem em apenas cerca de 4% dos pacientes e são: insônia, diminuição do apetite, dores de estômago e cabeça e vertigem. Algumas crianças desenvolvem tiques quando iniciam o uso de estimulantes, mas não se sabe se a medicação causa os tiques ou se ela simplesmente revela uma condição pré-existente (crianças que têm Doença de Tourrette, caracterizada por múltiplos tiques, por exemplo). Existia uma crença de que o uso de estimulantes retardaria o crescimento de crianças e por isso se recomendava os “feriados” (alguns dias ou o final de semana) ou “férias” (meses) terapêuticas. Recentemente estudos mostram que isto NÃO ACONTECE!

OUTROS REMÉDIOS

Antidepressivos podem diminuir a agressividade, melhorando também os sintomas de ansiedade e depressão freqüentemente observados em portadores de Transtorno do Déficit de Atenção com ou sem Hiperatividade. Clonidina (Atensina), um medicamento para tratamento de hipertensão arterial, parece estar associada a resposta favorável em bom número de casos. Neurolépticos, remédios que atuam na dopamina podem ser usados, quando os estimulantes promovem aumento do comportamento motor ou quando existe déficit cognitivo associado (retardo mental).

ATENÇÃO, NÃO SE AUTOMEDIQUE! Consulte um médico para fazer o seu diagnóstico e iniciar o melhor tratamento.

Espaço medico esclarecedor.
http://cefaleias.com.br/tdah
Dr.Mario Peres

Os 70 anos de John Lennon

Hoje é uma data marcante na música mundial. Nesta data se comemora 70 anos de nascimento de John Lennon, o importante cantor, compositor e músico, que integrou a banda mais importante da história da música jovem, os Beatles.

O meu Beatle favorito na verdade é Paul McCartney e a carreira solo de Lennon, mesmo com alta qualidade musical, não conseguiu ser tão criativa quanto a de MacCartney. Talvez a influência da esposa, uma compositora de música concreta e a priorização do ativismo político-social tenham sido responsáveis por isso. Mas não importa. O valor de Lennon para a história da música é tamanho que é bom nem contestar.

Infelizmente um retardado mental que pensava que era fã do cantor-guitarrista (fãs não matam seus ídolos) calou a bela voz e as coerentes ideias de um homem que tinha ainda muito o que fazer pela cultura e pela humanidade.

Mas hoje lembraremos o grande artista que Lennon foi e tentar esquecer esse episódio triste. Porque a música dele está aí, a obra dele é imperecível (os relançamentos que estão acontecendo agora mostram o frescor das músicas do compositor) e sobreviverá eternamente.

Como espírita, sei que ele não morreu. Está em outra dimensão, muito provavelmente em mais uma turnê musical, mostrando aos espíritos a sua vasta e excelente obra.

Parabéns, Lennon. E obrigado por tudo que você fez por nós.

Abaixo um vídeo com uma das músicas que mais gosto dele:

sábado, 2 de outubro de 2010

60 anos da turma do Snoopy

Hoje comemora 60 anos de criação do personagem de quadrinhos que eu mais gosto, o Charlie Brown e seu fiel cão beagle Snoopy. Brown é uma espécie de herói dos nerds, devido a seus constantes fracassos e sua personalidade estranha.

Pena que o seu criador Charles Schutz não está mais entre nós para participar da festa. Mas lá no outro plano deve estar feliz por saber que seu pupilo fez a alegria de muitas gerações. E pode fazer mais.

Parabéns a toda turminha por essa data tão querida!

-----------------------------------------------------------------
CURIOSIDADES: Se eu perguntasse a vocês que banda de rock brasileira tem o seu nome inspirado no desenho da turma do Snoopy, certamente vocês responderiam Charlie Brown Júnior. Correto?

Errado. Em várias entrevistas, Chorão (que fez 40 neste ano) disse que o nome da banda foi inspirado em um boteco na cidade de Santos. O tal boteco é que deve ter se inspirado no desenho. Chorão nunca assumiu ser ou não fã da turma do Snoopy.

A resposta certa é Barão Vermelho. A banda que lançou o genial Cazuza tem no seu nome a uma referência a um herói imaginado (baseado em um personagem real) pelo cão Snoopy em conversas com a ave Woodstock.

Tori Amos (cantora da qual sou fã assumido) também compôs uma canção inspirada no Barão Vermelho do Snoopy: Not The Red Baron. Há menções a turma do Snoopy na letra desta música:

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Geoarqueologia busca soluções para questões climáticas no Egito faraônico

OBS: Não vou falar muito porque sou leigo no assunto. Mas sempre acreditei que nunca devemos descartar o passado, pois de lá é que podemos tirar lições que possam ser úteis para o presente e para o futuro.

Observar o que aconteceu para fazer agora e ver as consequências no futuro. Isso é muito importante. Que a juventude que ignora o passado saiba muito bem disto.

Geoarqueologia busca soluções para questões climáticas no Egito faraônico

DA FRANCE PRESSE - 21/09/2010 - 15h26

Enquanto especialistas mundiais se debatem sobre as formas de conter o aquecimento global, cientistas se reúnem no Egito em busca de respostas do passado faraônico que ajudem a enfrentar os problemas ambientais do presente.



Dono de uma incomparável riqueza arqueológica, o Egito é a nação mais populosa do mundo árabe e o número de habitantes no país deve mais que dobrar em 2050, com uma estimativa de 160 milhões de pessoas.

Egiptologia tradicional precisa se adaptar a novas abordagens, diz pesquisador durante reunião de geoarqueologia no Egito.

Há muito tempo, os efeitos das mudanças climáticas têm sido negligenciadas no país, que depende amplamente do fértil delta do Nilo para alimentar sua crescente população, em meio a preocupações sobre a erosão do solo.

Na conferência de três dias, inaugurada no último domingo, especialistas esperam compreender como os antigos egípcios, que foram capazes de erguer as pirâmides, lidavam com as mudanças do clima.

"É tempo de tentarmos aprender com o passado para tomarmos decisões melhores no futuro", disse Shawkat Yahia, cientista da Universidade Americana do Cairo.

Ele afirmou, em entrevista coletiva, que são necessárias respostas rápidas, ressaltando que as vidas de milhões de pessoas estarão em risco se desaparecerem as preciosas terras cultiváveis do país.

"Entendendo mais sobre como as sociedades se adaptaram ao seu ambiente, estaremos mais bem preparados para nos planejarmos e adaptarmos aos desafios atuais e futuros que confrontam o delta do Nilo", afirmou.

Yahia está entre os cerca de 200 arqueólogos, historiadores, geólogos e paleontólogos de 25 países que esperam que a geoarqueologia --união entre arqueologia e geologia-- encontrará as respostas.

ADAPTAÇÃO AOS TEMPOS MODERNOS

A conferência é a primeira do tipo a ser realizada no Egito, onde a arqueologia sempre foi tomada com uma abordagem rígida e clássica para entender o passado.

"A egiptologia tradicional precisa se adaptar a novas abordagens, [tais como] reconstituir o ambiente no qual as pessoas se desenvolveram", disse Yann Tristant, do IFAO (Instituto Francês de Arqueologia Oriental).

O IFAO uniu forças com o CNRS (Centro Nacional de Pesquisas francês) e o Conselho Supremo de Antiguidades do Egito em torno de um "brainstorming" que ajudasse os especialistas a encontrarem soluções para o futuro.

A meta das discussões é resgatar evidências arqueológicas e geológicas que possam explicar como os antigos sobreviveram às mudanças climáticas e quais lições podem ser tiradas daí.

Especialistas do CNRS, Pierre Zignani e Matthieu Ghilardi acreditam que muito pode ser aprendido dos arquitetos que criaram templos milenares capazes de resistir aos ataques do tempo.

"Fortes chuvas provocadas pelas mudanças climáticas no último milênio e grandes inundações do rio Nilo foram consideradas pelos arquitetos ao construir as estruturas religiosas", destacaram, em artigo conjunto.

Pesquisar o passado "pode trazer informações sobre nosso conhecimento fundamental atual e novas informações críticas para a nossa comunidade".

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

São Gonçalo completa 120 anos

O município vizinho de onde eu moro está fazendo 120 anos de existência. Merece nossos parabéns, apesar de estar cheia de problemas, nem mais do que os de muitas cidades.

Ao voltar a morar em Niterói, várias vezes tive a oportunidade de ir a São Gonçalo, que apelido carinhosamente de São Go-go. Ela também é conhecida como a "Manchester Fluminense", por sua importância industrial para o estado do RJ. Virou uma cidade predominantemente pobre, como Salvador, com a desvantagem de não possuir áreas nobres (que pelo menos há na capital baiana), com péssima infra-estrutura em muitos bairros e visível má qualidade de vida. Alguma coisa tem que mudar.

Mas tentativas de melhoria estão sendo feitas. Foi inaugurado o piscinão, nas proximidades da Rodovia Niterói-Manilha, houve recentemente uma gigantesca renovação na frota de onibus da cidade e em novembro próximo um grande shopping center será inaugurado no centro de São Go-go. Já existe um, muito bom (eu já fui), localizado na rodovia citada. Além de vários novos condomínios residênciais sendo construídos por toda a cidade.

Vamos torcer para que a simpática cidade (tenho amigos morando lá) se desenvolva e ofereça cada vez mais melhorias de qualidade de vida, fazendo da irmãzinha de Niterói um lugar agradável de se viver, como era em minha remota infância (eu morava na década de 70 no Barreto que é bairro vizinho a São Go-go).

Os parabéns deste blog aos 120 anos de São Go-go!!!!

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Também existem homens burros em comunidades de namoro no Orkut

O machismo ainda está em alta, infelizmente. A sociedade está ainda bem longe de se evoluir. Mas tem coisas que ainda são de se espantar, mostrando que tem muita gente disposta a permanecer no estilo de vida da idade da pedra.

Eu já havia falado que nas comunidades de namoro do Orkut predominam mulheres burras, sem ambições intelectuais e com péssimos referenciais culturais, além da mentalidade claramente infantil. Mas não são só as mulheres que colaboram para que comunidades de namoro se tornem uma correnteza de asneiras e vulgaridade.

Na comunidade "Cariocas e Solteiros" foi criado um tópico pretensamente chamado "Beleza Feminina", que na verdade não exalta beleza coisa nenhuma e sim a vulgaridade de peitos e glúteos de mulheres vulgares, de beleza facial escassa ou ausente e nenhum charme ou delicadeza. Elas são as chamadas "Boazudas", aquelas mulheres que vivem de expor os seus corpos e que atiçam o imaginário de machistas tarados que colocam o sexo acima de tudo.

O que me dá raiva é que no Brasil, muitos machistas se casam com mulheres de classe para, na surdina, ficarem cultuando e traindo-as com verdadeiras bestas vulgares como essas boazudas de grandes glúteos, muitas delas misteriosamente encalhadas (há suspeita de proposital encalhe profissional - elas só podem "se casar" com os fãs).

Ninguém sabe a diferença entre mulheres de classe e as boazudas? Vou dar exemplos para ficar claro: digamos que as jornalistas que vemos na TV representam as mulheres de classe, caracterizadas por serem cultas, discretas e delicadas. As dançarinas de pagode e "funk", paniquetes, e similares, são as boazudas, cuja única coisa que sabem fazer é expor os corpos, muitas vezes com bundas e peitos em tamanho desproporcional. Uma vulgaridade total.

Machistas adoram mulheres vulgares,mesmo que não queiram se casar com elas. Machismo e vulgaridade se combinam e ambos tem muito a ver com instinto animal, com trogloditismo, algo que já deveria ter desaparecido da Terra há muito tempo, ainda mais que estamos em vias de gigantesca transformação espiritual.

Mesmo sendo homem, nunca concordei com o machismo. O respeito entre homens e mulheres deve ser recíproco. E não gosto de mulheres vulgares, que por sua grosseria e péssima "cultura", são difíceis de se conviver e inúteis para quem pretende usar um relacionamento para crescer como ser humano. Provavelmente, se algum daqueles trogloditas lerem isto, vão rir da minha cara e até me humilhar, já que primatas aprendendo a ser gente não entendem isto.

Ser vulgar é que é o correto? Porque sou obrigado a admirar as mulheres vazias e grossas que nada tem o que oferecer para mim? Se as mulheres fizessem o mesmo? Seria se elas preferissem o Van Damme ao invés de George Clooney, por exemplo.

E eu não preciso de mulheres vulgares para pensar em sexo. Quase todas as mulheres de classe também são bem gostosas, tem ótimos corpos. Por exemplo, as jornalistas Michelle Loreto e Flávia Freire são bem gostosonas, mas possuem inteligência, cultura, classe e delicadeza. A diferença é que depois do orgasmo, com uma mulher de classe, você não fica com vontade de expulsá-la da cama, como acontece no caso das boazudas.

E quase ia me esquecendo: a criação deste tópico numa comundade de namoro pode pegar mal para os caras, que serão vistos pelas mulheres da comunidade como tarados e pervertidos. Detalhe: muitas integrantes da comunidade não possuem os "corpões" siliconados das "teúdas" que aparecem nas fotos postadas. O tópico serve como atestado de machismo explícito. Mas se eu pedir para deletar o tópico, vão pensar que eu sou gay, porque para a padronização do pensamento masculino, todo homem deve gostar de piranhas vulgares. Para machistas, homem e bicho devem ser a mesma coisa.

É ruim querer evoluir num mundo bastante atrasado, onde os trogloditas ainda ditam as regras da sociedade.

Luís Inácio "Homer" da Silva



Esse desenho é muito bem feito e muito engraçado. As legendas parecem as das propagandas de governo. Apesar de aparentemente pró-Serra, resolvi colocar aqui mesmo.

sábado, 18 de setembro de 2010

Há 40 anos falecia Jimi Hendrix

Em Londres, cidade que o adotou artisticamente, em 18 de Setembro de 1970, o melhor guitarrista da história do rock, Jimi Hendrix, é encontrado falecido depois de ter se sufocado com um vômito. Ele poderia ter sido salvo, pois houve a demora na chegada de socorro. Uma pena.

Hendrix foi foi um artista superável. Excelente compositor, guitarrista único, cantor inspirado, ele ainda era um homem cheio de ideias e de vontade de criar musicas. Era bastante politizado e demonstrava bastante coerência em suas entrevistas.

Seus inimigos tentaram criar uma imagem de maluco que o estigmatiza até hoje. mas quem conhece mesmo a biografia de Hendrix, era apenas má compreensão de episódios raros e lamentáveis de sua carreira, impostos por mídia e empresários artísticos. Coisa que nem ele mesmo concordava.

O que importa para nós é lembrar a sua perfeita obra musical, de qualidade inquestionável e eterno valor cultural. Hendrix é um artista que faz falta até hoje e há quem diga (e eu concordo), que se ele tivesse sobrevivido, a música poderia não ter chegado a mediocridade que é hoje. Hendrix tinha projetos marcados com Miles Davis e com Emerson Lake & Palmer.

Como eu disse, Hendrix faz falta. A dedicação inesgotável e o amor verdadeiro à música fazem de Hendrix um exemplo a ser seguido. Um mestre na arte de criar (e recriar) excelentes canções.

Hendrix fez uma obra eterna, que nunca vai sair da mente de quem curte boa música.

Jimi, amigão, estamos com saudades! Obrigado por tudo de bom que você nos deu.

terça-feira, 14 de setembro de 2010

A elegância de Taylor Swift

No último VMA (Video Music Awards - premiação dos vídeos musicais) da MTV estadunidense, que aconteceu no último domingo, a cantora Taylor Swift, que teve seu troféu arrancado das mãos do rapper Kayne West, que interrompeu o seu discurso de agradecimento, achando que quem deveria receber o prêmio é a vazia Beyoncé (ih, os fãs dela vão me matar - cambada de troglôs...), cantor uma música composta sobre o evento.

A apresentação de Swift não empolgou a platéia, acostumada a shows cheios de dançarinos, efeitos, muito visual e muitas coreografias. Pra quê tanta coreografia, se cada fã dança do jeito que quiser? Isso cheira a recurso para disfarçar a ruindade musical...

Swift é uma cantora a moda antiga, que privilegia a música (seu visual é sempre discreto), lembrando muito as cantoras folk dos anos 70. Ela tenta trazer de volta todo aquele som gostoso, cheio de melodia e simplicidade, feito para ouvir estando debaixo de uma árvore, diante de uma belíssima paisagem campestre.

Essa simplicidade e discrição, além de sua qualidade musical, me fizeram fã dessa bela cantora (tenho o primeiro álbum dela), que deveria ser um exemplo para a a nova música tão carente de gente que se preocupe com boas melodias e não com roupas estravagantes, tatuagens, coreografias e muita besteira sendo feita ou dita em entrevistas.

Taylor Swift, sou seu fã. Te adoro.

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

PNAD acaba com mito de "paraíso dos solteiros" de nosso país e mostra que a maioria dos brasileiros tem alguém pra chamar de "seu"

OBS: Mais um mito cai. Agora tenho a certeza que as coisas estão realmente ficando bem nebulosas na minha vida afetiva. E olha que a pesquisa fala em casados. Se lembrarmos que existe o mero namoro, a coisa piora. E depois todo mundo vai na TV dizer que falta homem. Estão sonhando! É mais fácil passar em concurso do que desencalhar em nosso país!

Nem adianta dizer que as mulheres ainda são "a maioria dos solteiros". Os infelizes dos meus concorrentes, pilantras profissionais, PHD de mau-caratismo, MBA de safadeza, casam tendo a intenção de me sacanear, pois desposam justamente as mulheres que eu gosto, fazendo sobrar apenas as que não me atraem. Cafajestes...

Aí eu falo e não me dão razão. Vamos ver se depois desta pesquisa, o IBGE para de inventar que só existe mulher solteira em nosso país.

Curioso que foi a Região Norte e não o Nordeste, a campeã dos solteiros. Mitos que vão caindo, caindo...

Os dados são de 2 anos atrás, mas ainda valem até hoje.

"Time" dos casados barra o de solteiros

09/09/2010 - Jornal o Terminal - autoria não creditada

Os turistas que vêm ao Brasil para encontrar sua alma gêmea devem procurar outro destino. Isso porque, o total de pessoas casadas supera o de solteiras entre os indivíduos com idade igual ou maior a 15 anos. A informação é baseada no resultado da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), divulgada ontem pelo IBGE, referente ao ano passado.

De acordo com a pesquisa, dos 145,3 milhões de habitantes, 66,6 milhões (45,8%) são casados e 62,2 milhões (42,9%) são solteiros. O "time" dos viúvos corresponde a 5,9% do total, seguido pelos divorciados, que seguram a lanterna com 5,4%.

A pesquisa retrata outro dado curioso. Segundo o PNAD, existe mais homens casados do que mulheres neste estado civil. O universo masculino corresponde a 47,6 dos casados contra 44,2 das mulheres. A diferença registrada é explicada pelo fato de o número de pesquisados não ser igual entre os dois sexos. Em relação a quantidade de solteiros, os homens também superam as mulheres, com 46% contra 40%.

Entre as regiões brasileiras, o Sul lidera entre as pessoas casadas

Quanto as regiões brasileiras, o Sul lidera entre as pessoas casadas, com 49,7% do total da população, seguido pelo Sudeste (48,2%), Nordeste (43,1%) e Norte (35,1%).

Quem está atrás de um namorado(a) deve viajar para a Região Norte, que é a recordista entre os solteiros, com 57,8% do total, bem a frente do Nordeste(47,1%), Centro-Oeste (45,7%), Sudeste (38,9 %), e Sul (37,9%).

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Personalidades femininas se vestem de homem para revista

A revista Papermag reuniu algumas mulheres e as maquiou como homens para uma estranha sessão de moda. A maioria é desconhecida no Brasil. A única que realmente conheço é a deliciosa Michelle Trachtenberg, aqui irreconhecível. Convém lembrar que ela é linda, tem um corpão, e - obvious - é ultra-comprometida.

Enquanto isso, no Brasil, várias celebridades masculinas já estão se preparando para se vestir com roupas de mulher, já que estamos em época de recenseamento. É para continuar mantendo o "saudável", mas delirante mito do excesso de mulheres solteiras no país, algo tão real quanto duendes ciclópicos de três pernas.

A manutenção desse mito ajuda muito a manter o privilégio de vários babacas que só por serem altinhos e riquinhos, acham que sabem como fazer uma mulher feliz. Com isso, acabam deixando muitos "fracotes" tímidos e pobres afogados em lágrimas solitárias por verem suas amadas casadas com verdadeiros lixos humanos que nem dão muita bola a suas maravilhosas esposas.

Até quando vão ficar acreditando nessa lorota? Eu só vejo mulher comprometida em meu caminho!!!

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Água-viva de 30 m se tornou "guardiã do mar", diz estudo

OBS: Estava assistindo a um desenho do Bob Esponja, onde ele e Patrick, a estrela do mar que é o seu melhor amigo, convidavam, sem sucesso, o ranzinza Lula Molusco para ir caçar águas-vivas - como se caça borboletas, com uma rede - se arriscando a tomar choques das mesmas.

Ao ir, forçado pelos amigos, Lula acaba se deparando com uma água-viva gigante, como esta da foto e se dá muito mal. acabando, ferido de tanta queimadura, tendo que ficar imóvel e enfaixado em uma cama de rodinhas. Realmente a água-viva do desenho realmente existe.

Nooossa! Já pensou se eu tivesse que encarar esse verdadeiro "monstro" bem de pertinho? Estava ferrado! Pois além de enoooorme ele é venenoso! Ugh!

Água-viva de 30 m se tornou "guardiã do mar", diz estudo

01 de setembro de 2010 • 14h45 • Foto: Getty Images - site Terra

Uma gigantesca água-viva venenosa e com tentáculos que podem alcançar o mesmo comprimento de uma baleia azul (30 m) pode ter se tornado em um inesperado defensor do oceano. Um recente estudo indica que a água-viva juba de leão (Cyanea capillata) se tornou uma boa predadora do ctenóforo Mnemiopsis leidyi, um animal transparente e voraz invasor de diversos mares. As informações são do site da revista New Scientist.

A água-viva juba de leão pode chegar a 2,5 m de largura, mas é um dos animais mais compridos de todos os tempos. O estudo do Instituto de Pesquisa Marinha, em Bergen, na Noruega, e da Universidade de Gothenburg, na Suécia, indica que o ctenóforo - que é nativo do oeste do Atlântico - já pode ser encontrado no Mar do Norte e no Báltico.

Esse animal se alimenta de plâncton e devasta suas populações nas regiões invadidas, o que diminui drasticamente a quantidade de peixes que comem o plâncton. Como qualquer espécie invasora, o Mnemiopsis leidyi parecia não ter predadores, até agora.

Os tentáculos da água-viva são cobertos com pequenas células com perigosas toxinas que podem paralisar a vítima e que ainda causaram paradas cardíacas em testes em ratos de laboratório. Humanos geralmente têm reações menos intensas, a não ser que sejam alérgicos ou recebam muita toxina. Teoricamente, uma grande quantidade de protetor solar já ajuda a evitar maiores danos.

Mas a grande vantagem está no tamanho dos tentáculos, que conseguem pegar pequenos peixes e até outras águas-vivas de grande porte. Com essa capacidade, o "monstro" acabou se tornando um protetor dos mares ao caçar o ctenóforo invasor. Contudo, o estudo indica que esses animais conseguem escapar 90% das vezes do predador, mas sofrem danos no processo e sucumbem a repetidos ataques.

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Shogun escreve texto bastante coerente sobre o Prêmio Multishow

OBS: A maioria esmagadora das premiações da música e do cinema não servem como atestado de qualidade, pois são organizados por gravadoras e produtoras de cinema, controladas por gente sem mentalidade artística e que pensam nas obras como produtos a gerar renda para quem produz. Ilusão acreditar que algum vencedor tenha mais qualidade artística, que na minha opinião, deve ser medida pela qualidade da obra (algo que independe de gosto) e a biografia do criador dessa obra. Mercenários não fazem poesias: algo que ninguém deve esquecer.

Bem coerente o texto de Shogun, do site Lost and Not Found e reproduzo aqui porque ele merece ser lido novamente.

Sou um alien numa terra de alienados?

quarta-feira, 1 de setembro de 2010 - por Shogun - Site Lost and not found

Lí diversos comentários e criticas falando mal do Premio Multishow, desde os premiados, às atrações e até a organização. Após ver os vencedores do tal prémio senti um engasgo.

Há quem diga que o Prémio Multishow, não representa nada, pois trata-se de votação pela internet e os premiados não foram escolhidos por jurados e especialistas. Concordo, porém, se o prémio tem como base a programação do canal. Lamento informar, mas o que se vê no Multishow não difere nada do que se vê na MTV nem do que se ouve nas rádios e televisão aberta. Com o agravante que o rádio e a tv aberta veiculam coisas piores.

Muitos dos artistas que ouço definitivamente não são para o grande publico ouvir e gostar. Eu assumo isso. A coisa alias é propositalmente feita para isso, para que poucos gostem. Porém quando um vocalista dá um urro gutural ali tem muito mais técnica vocal e atitude que qualquer tentativa de canto do Fiuk ou desses iguais. Alias não é de hoje os novos artistas estão matando a essência do rock. A coisa tá chegando a um ponto bizonho em que o novo ouvinte de rock parece uma "puta travesti colorida". A viadagem ideológica é tanta que corre o risco de acharem que detonautas é rock pesado.

Musicas sem conteúdo algum, totalmente futeis sem profundidade e egocêntricas. Desprovidas de qualquer questionamento. Somente sentimentalidades banais, choro de adolescente revoltado que considera "xingar no twitter" um ato de revolta. Tenho convulsões só de pensar no nível das atrações que serão escolhidas para o Rock In Rio 4 (Confirmados até agora: Ivete Sangalo, Shakira e NXZero).

Isso não é um problema só do Brasil. Até o que é trazido para cá tem sido uma bosta. O que são aquelas meninas do RBD? Que já era uma merda e que lamentavelmente algum FDP permitiu que elas continuassem seus miados desafinados em carreiras solo. É a geração crepusculo avacalhando geral.

Diga-se de passagem o maior fenômeno da musica mundial atual nada mais é que uma cópia feia, mal vestida e magrela da Madonna.

MPB é lixo: Sinceramente dá um enorme desgosto ver o quanto o "gosto" musical do povo piorou. As vezes me pergunto se sou eu quem está ficando velho ou os outros ao meu redor que estão ficando imbecis. Supostos ritmos musicais ganham cada vez mais projeção e apoio nos meios de comunicação. Principalmente das organizações Globo.

Dá desgosto quando leio em blogs comentários e criticas sobre revistas como a Caros Amigos, que deveria ser o contra ponto da midia gorda, dá espaço a isso. Não consigo imaginar que forças ocultas ($) sejam capazes de fazer com que algum jornalista ou até um pseudo-intelectual de se prestar a elogiar "isso".

Ver TV aberta virou tortura, até ver canais pagos de musica pode ser destrutivo para mim levando-se em conta a atual programação. A musica brasileira em todos os sentidos está podre, eu que já não sou fã de artistas nacionais, me limito a tentar não me interar das novidades.

Sou obrigado a achar legal, senhores e senhoras dançando o rebolation até o chão. E no final, eu que sou visto como um alien ou mal-humorado quando me recuso a permitir que por exemplo toquem axé ou funk na festa de meu casamento.

- "Funk é legal é cultura de massas, grito dos pobres". É o caralho, isso é musica de cabresto.

Sou obrigado a considerar natural que mulheres-fruta gordas, mais parecendo-se com travestis sejam consideradas pela maioria símbolo sexual. O pior é quando estas resolvem virar cantoras, como se grunhir e gemer palavras feito putas pagas fosse sinonimo de canto. E ai de mim que reclame, serei chamado de gay na hora.

Me desculpem mas meus motivos para não gostar do que a maioria de vocês gostam vão muito mais do que mero gosto musical. É totalmente ideológico.

Postado por M.V "Shogun" às 01:26

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Moradores do Morro do Bumba fazem protesto contra construção de praça em lugar onde haviam casas

OBS: Engraçadas essas autoridades. Sua ingenuidade é tamanha que não consegue ser camuflada. Depois da infantilidade de permitir que se realizem copas e olimpíadas em nosso país, mesmo com os imensos problemas que a população nunca para de sofrer, ainda vem com "homenagenzinhas" construindo inúteis monumentos, praças, etc.

O que a população quer é QUALIDADE DE VIDA, DIGNIDADE, e não "homenagenzinha". Espíritos não ligam para esse tipo de homenagem. Morto não precisa de monumento como homenagem. Os mortos na verdade querem que os seus entes que permanecem vivos tenham dignidade de vida, com uma casa com infra-estrutura completa para poderem viver bem.

Será que prefeitura de Niterói está usando essa humilhante e inesquecível tragédia para transformar o local em ponto turístico? O que na minha opinião, é uma ofensa às vítimas.

Sem casa e sem aluguel, moradores do Morro do Bumba protestam

25/08/2010 - 14:44 (atualizada em 25/08/2010 14:59) - Agência Brasil

A prefeitura de Niterói planeja construir uma praça e um monumento às vítimas dos desabamentos consequentes dos temporais do início de abril na comunidade

Moradores do Morro do Bumba, em Niterói, onde dezenas de pessoas morreram em consequência dos temporais do início de abril, organizaram um protesto na manhã desta quarta-feira (25) contra a construção de uma praça e um monumento às vítimas dos desabamentos na comunidade. As lideranças alegam que alguns moradores ainda não receberam o aluguel social da prefeitura de Niterói e ainda há famílias morando em abrigos em condições precárias. Os manifestantes seguiram em passeata do Morro do Bumba até a sede da prefeitura.

Segundo o presidente da Associação das Vítimas do Morro do Bumba, Francisco Carlos Ferreira, há um descaso do poder público em relação à comunidade e a prefeitura não estaria cumprindo com o que prometeu. Para ele, as habitações populares são a prioridade no momento.

“O protesto é porque eles estão fazendo uma praça, vão fazer um obelisco para as pessoas que morreram, mas elas, infelizmente, não precisam de um lugar para morar. Até hoje não foi pago o aluguel social para algumas pessoas e outras que alugaram casas não estão podendo cumprir com a obrigação porque a prefeitura não repassou o dinheiro (do aluguel). Muitas pessoas estão morando em casas de amigos e familiares e os abrigos da prefeitura são precários”, criticou Ferreira.

A empregada doméstica Cenira da Silva, de 57 anos, disse que já deixou documentos em todos os órgãos da prefeitura e até agora não recebeu nenhum auxílio. Ela tem três filhos e cinco netos e, quando a casa dela desmoronou, teve que abrigar a família em casas de amigos e até de desconhecidos.

“Perdi tudo, me avisaram quando eu estava no trabalho que minha casa tinha desabado. Fiquei só com a roupa do corpo, não me deram nada, nem uma cesta básica. Fui na Defesa Civil, na prefeitura, tenho documentos meus com pedidos em tudo quanto é lado. Morava há 35 anos nessa casa, eu não posso sair daqui para morar em São Gonçalo (município vizinho de Niterói), minha vida é aqui”, desabafou a moradora.

De acordo com a prefeitura de Niterói, não está previsto nenhum monumento em homenagem às vítimas para o local. “O governo municipal desapropriou uma área de 5 mil metros quadrados, próximo ao Morro do Bumba, e elaborou um projeto para construção de nove prédios residenciais, com um total de 180 apartamentos, cujas obras serão executadas pelo governo do Estado”, informou a prefeitura, por meio da assessoria.

Sobre o pagamento do aluguel social, a prefeitura informou que já pagou para 3,2 mil famílias três das seis parcelas previstas. A quarta parcela do benefício deve ser paga na próxima semana. A prefeitura está negociando com alguns bancos a possibilidade de fazer estes pagamentos por via bancária.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

A saúde pública adverte: O ATO MÉDICO FAZ MAL À SAÚDE!

OBS: Esse alerta mandado por email pelo meu grande amigo Márcio mostra a que ponto pode chegar a saúde brasileira se esse projeto, conhecido como "Ato Médico" for implantado. Um prejuízo para um sistema já deficitário.

A saúde pública adverte: O ATO MÉDICO FAZ MAL À SAÚDE !

Márcio R. dos Santos - psicólogo - por e-mail em 17/08/2010

O Brasil está regredindo em todos os aspectos. Os políticos não implementam medidas para melhorar as condições do sofrido povo brasileiro. A educação até bem pouco tempo era a via certa para sair das condições indignas impostas por uma elite burra e caduca. Mas agora estudar e ter nível superior não serve pra nada. Se você não ficar mendigando salários ridículos vai correr o risco de ver seu diploma desqualificado.

No capitalismo brasileiro, o povo é tratado como lixo e agora estão desqualificando as profissões de nível superior. Os estudantes de jornalismo e jornalistas foram massacrados por uma decisão injusta que desconhece a necessidade do diploma de jornalismo para o exercício da profissão. A quem interessa essas leis? talvez desqualificar a profissão de jornalista sirva aos interesses dessa pátria "democrática". Quem mais poderá denunciar as injustiças nos veículos de comunicação?

Agora os médicos do Brasil estão apelando para uma lei chamada "ato médico", prestes a ser aprovada no congresso que limita as atividades de 14 profissões na área de saúde dentre as quais: fisioterapeutas, psicólogos, fonoaudiólogos e outras.
Os médicos que formam uma das classes mais abastadas do país e que muitas vezes exercem cargos políticos querem agora subordinar as outras profissões à autoridade do médico. Sim, essa lei propõe que todas as atividades na área de saúde sejam orientadas por eles.
Sou psicólogo e tenho direito de ter autonomia na minha profissão. Me formei pela UFMS e se essa lei for aprovada entrarei com um processo por danos morais contra o estado. Não joguei 05 anos da minha vida na lata do lixo.

Vejam o comentário de um médico:
O médico Cláudio Balduíno Souto Franzen provocou os profissionais da saúde de forma deselegante e gratuita: “Quem quiser ser médico precisa enfrentar um concorrido vestibular, cursar seis anos de faculdade e outro tanto de especialização. Qualquer cidadão tem o direito de buscar ser médico. O inadmissível é querer atuar como médico sem cursar medicina.”

Isso pra mim é arrogância. É importante que todos os brasileiros saibam que um médico irá decidir se você precisa de tratamento psicológico ou não. Ele irá decidir isso com o conhecimento limitado que ele possui sobre o assunto. Afinal ele não estudou psicologia durante 05 anos. Ele não está habilitado para isso. E ele decidirá isso em uma consulta de 05 minutos. Porque é esse o tempo dispensado ao atendimento de nossa população no SUS.

"Somos uma família de 4 milhões de profissionais vítimas de um sistema de saúde que privilegia a doença em detrimento da vida saudável. Ficamos indignados ao ver 50 milhões de pessoas convivendo com doenças crônicas apesar da jovialidade da população. A revolta é ainda maior quando verificamos que estamos aptos, podemos e queremos trabalhar, mas não temos empregos. Gritamos aos governantes mostrando inúmeros exemplos de países que amariam ter tantos profissionais da saúde prontos para servir. Ficamos desolados com a informação de que uma montanha de dinheiro está sendo gasta com milhões de exames desnecessários, a maioria dos quais nunca são sequer retirados pelos pacientes. Atônitos, assistimos a 80% dos pacientes, que são portadores de doenças crônicas, consumirem toneladas de medicamentos sem efeito." Fábio Borges - fisioterapeuta.

Em nenhum país civilizado existe lei parecida. O retrocesso será exclusividade dos brasileiros.

Elite burra. País sem futuro.

A saúde pública adverte: O ATO MÉDICO FAZ MAL À SAÚDE !

Divulguem esse absurdo: www.atomediconao.com.br

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Ator nerd diz querer atuar em filme de Stallone

OBS: Olhem para a foto abaixo. Vocês acham que o Stallone, depois de dizer que a saga Crepúsculo só tem franguinha (e isso com o musculoso Taylor Lautner e o "arranha-céu" Robert Pattinson no elenco!) vai chamar um nerd típico, daqueles que a gente conhece até de longe, atuar em um de seus filmes? Só se for no papel de saco de pancadas!

Sabemos que foi uma brincadeirinha de Cera (que atuou em Juno com a ultra-giga-mega-beldade Ellen Page), mas já pensou se a coisa pega? Teremos uma sequencia de Vingança dos Nerds com Lewis Skolnick (que era interpretado pelo irmão - pasmem! - de um astro de seriados de ação, David Carradine) metendo o cacete nos outros usando sua coleção de canetas como arma.

Cera, cuidado! Não vá se meter com os Mercenários! É tudo pit-boy e você pode se dar mal. Melhor fazer uma sequência de Juno e contracenar de novo com aquela maravilhosa gata!

Michael Cera diz que quer estrelar sequência de filme de Stallone

FOLHA DE SÃO PAULO - 23/08/2010 - 13h57

O ator Michael Cera, mais conhecido por seu papel no filme "Juno", disse que quer atuar na sequência do novo longa de Sylvester Stallone, "Os Mercenários".

A afirmação foi feita por Michael Cera durante a premiere do filme "Scott Pilgrim Contra o Mundo" no Reino Unido, de acordo com a Press Association.

"Eu estou me esforçando muito para conseguir o telefone dele ou o e-mail --enquanto isso, estou achando que o e-mail dele é slydog@gmail.com e vou continuar mandando e-mails até que ele me ligue", brincou o ator.

Brincadeiras à parte, Cera disse que fica honrado por lhe oferecerem um papel em um filme de ação. "Não foi algo para o qual eu me preparei e estou muito grato que Edgar Wright me deu essa chance", disse.

domingo, 22 de agosto de 2010

Encontro de Bat Girls



No infelizmente extinto (e ótimo!) seriado Miss Match, aconteceu um encontro curioso.

No elenco estavam Alicia Silverstone, a protagonista e Dina Meyer, que contracenavam em muitas cenas. As duas interpretaram um mesmo personagem em duas obras distintas.

Silverstone fez o papel da Bat Girl/Barbara Gordon em um filme da franquia Batman do cinema. Dina Meyer fez o papel de Bat Girl/Barbara Gordon em outro excelente e extinto seriado Birds of Prey (Aves de Rapina) que centraliza a trama na conhecida Miss Gordon.

As duas são mulheres lindíssimas e estão meio sumidas da mídia atualmente.

Esse encontro é um daqueles que fazem a gente perguntar se coincidências existem.

---------------------------------------------------------------
NOTA: Apesar de terem contracenado em várias cenas em "Miss Match", nada encontrei que mostre as duas juntas, atuando ou divulgando o seriado.

sábado, 21 de agosto de 2010

Luiz Caldas vira cantor de heavy metal e faz letra suicida

OBS: Vejam o video no final deste post. É uma prova do que alguém sem intimidade com determinado gênero musical é capaz de fazer. Depois do cd pseudo-new wave de Netinho, e das tiradas "mamãe eu quero ser surfista" do Jammil e Uma Noites, agora temos que aguentar o metal ultra-estereotipado de Luiz Caldas. Uma verdadeira aula do que significa forçar a barra. Se deu mal. Nota zero.

O metal que Caldas quer fazer é bastante risível, cômico, apesar dos arranjos corretos (alguém se lembrou da banda de metal-comédia Massacration? - detalhe: O Massacration tem um alter-ego axezeiro, que gravou aquele hit Pira Pirou). Caldas, talvez pela falta de intimidade com o estilo, se baseou em estigmas e estereótipos, se prendendo a imagem equivocada que a maioria das pessoas tem do gênero. Quem curte fielmente bandas como Iron Maiden e Black Sabbath sabe muito bem que metal não é nada disso.

O único nome do axé que se deu bem fazendo algo diferente foi a Daniela Mercury, que lançou um cd totalmente eletrônico que... pasmem, adorei. Mercury é uma coisa a parte, já que ela não é tão abobalhada como o resto. Além disso ela é a maior gata, gostosa...

Luiz Caldas vira cantor de heavy metal e faz letra suicida

Pai da axé music substitui pés descalços por All Star e planeja show num cemitério

Miguel Arcanjo Prado - Do R7 - 17/07/2010 - 13:57

O pai da axé music se converteu ao heavy metal. A mistura pode parecer bizarra, mas quando o cantor baiano de Feira de Santana explica o feito tão calmamente, tal história se torna até possível. Aos 47 anos, Luiz Caldas, o cantor de Fricote, aquela dos versos “Nega do cabelo duro, que não gosta de pentear”, agora berra a sombria letra de Maldição.

A batida pesada veio à cabeça enquanto corria na praia da Boca do Rio, em Salvador, com o mar da Bahia de testemunha. Para ficar à altura da inspiração, bolou logo a letra sobre um suicida que não consegue se matar. A composição dá nome ao megashow que o cantor fará em 18 de setembro na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, em Salvador.

Com um cemitério de cenário, ele promete fazer “o maior show de rock já visto no Brasil”. A reportagem esteve com o músico no fim da tarde desta sexta (16), no estúdio WR, no bairro do Rio Vermelho, em Salvador. O local é praticamente uma extensão da casa dele, já que foi neste estúdio que, há 25 anos, forjou a axé music. Assim que a entrevista terminou, Caldas assumiu o microfone para botar voz com vigor na faixa Maria, Maria, que compõe o disco promocional Luiz Caldas Ao Vivo, ainda sem data para ser comercializado. O álbum traz pérolas de sua carreira, como Haja Amor, Tieta e Odé e Adão, além de outras músicas que gosta de cantar, como a que gravou de Milton Nascimento e Fernando Brant.

Por que você entrou no mundo do heavy metal?

Minha festa é plural. Não posso entristecer a minoria que não quer só música para tirar o pé do chão. E meu instrumento sempre foi a guitarra, inventada por Dodô e Osmar no trio elétrico. O Brasil é a terra de guitarristas como Pepeu Gomes, Armandinho, Robertinho do Recife...

O que você diz para quem se assusta com essa mudança?

Não existe mudança. Continuo sendo o Luiz Caldas. Posso tocar o que quiser. Entrei no heavy metal por cima, fazendo bem feito. Por isso, o Andreas Kisser, o Lobão, o Tico Santa Cruz e os meninos do Angra ligaram para me parabenizar. Se você der uma chegadinha no meu MySpace verá que ele é todo de heavy metal.

Como você compôs Maldição?

Foi correndo na praia, porque corro todo dia na Boca do Rio, vou de frente à sede do Bahia até a primeira ponte e volto. Aí ouvi a batida [cantarola o barulho inicial da música]. Na hora de botar a letra, pensei: não posso falar que “o meu amor me deixou, que eu fui para o shopping”. Eu fui para a treva. Conto a historia de um cara que quer se suicidar e mesmo assim não consegue. Isso é que é terrível. Nem se matar ele pode.

E se pensarem que você fez pacto com o diabo?

Não tem nada disso. Eu sou yoguin. Não como carne, animal nenhum, não bebo...

Como vai ser o show Maldição?

É uma produção caríssima e não tem apoio de ninguém. Vamos gastar três dias montando o cenário. É uma coisa cinematográfica nunca assistida no Brasil num show de rock. O palco enorme da Concha Acústica será todo cenário e vai se transformar num grande cemitério. Será totalmente pesado. Vai ser uma ópera, uma peça teatral musicada. Os quatro músicos no palco vão usar maquiagem de cinema. Não vou mostrar meu rosto. Trouxe muita coisa de Miami.

Você vai viajar com a turnê Maldição?

Eu levo o show para onde me chamarem e me pagarem.

Por que você calçou com All Star seus famosos pés descalços?

Me deu vontade de usar. Ganhei uma graninha e resolvi comprar. Fiquei descalço esse tempo todo...

E agora só vai andar de tênis?

Quando as pessoas acharem que é, aí não vai ser de novo. A ideia é essa. Eu, por exemplo, cortei meu cabelo por um golpe de marketing.


-----------------------------------------------------------
NOTA: Vi Luiz Caldas bem perto de mim, em um hipermercado próximo de minha casa. Foi o seguinte:em 2007, quando ainda morava em Salvador, no bairro do Costa Azul, era um dia de imensa chuva (boa parte da minha rua estava alagada). Tinha que comprar o pão para comer a noite e esperei a chuva dar uma trégua e o "lago" baixar. Quando isso cocorreu, desci com o meu irmão, e fomos ao hipermercado pegar o pão. Passei na sessão de frios para comprar algumas polpas para fazer suco e notei, bem ao meu lado, um cara meio ripongo falando com uma voz bonita (estranhei a voz, bonita demais para alguém vestido como um ripongo), acompanhado de uma jovem (deve acessora dele, sei lá). Aí meu irmão, me chamou para um canto e conchichou dizendo que aquele ripongo era o Luiz Caldas. Olhei melhor e... não é que era o "pai do axé" mesmo?

Salvador era uma cidade pequena. Era fácil esbarrar com algum famoso. Uma vez vi a belíssima Emanuelle Araújo (queridíssima do meu blog sobre mulheres) no shopping Itaigara tomando café bem perto demim, uma mesa vizinha (eu tb estava tomando café).

Em ambos os casos, eu não falei com as tais celebridades, pois respeito a privacidade.

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Destino cruel



Pelo jeito arrumaram um emprego para a Sarah Palin. Ela foi vista na fachada de uma rede de óticas populares. Que lástima! Trocar a vice-presidência dos EUA para ser garota propaganda de ótica popular... ninguém merece...

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Popoholic também lamenta casamento de Hilary Duff

OBS: Não sou só eu ou rapazes de bom gosto que lamentam sempre o casamento de uma garota legal com algum chato só porque ele é fortinho, altinho ou riquinho. O site Popoholic também colocou no ar o seu lamúrio.

Justo, pois a maravilhosa Duffster (que estava ficando cada vez mais linda e mais gostosa) demonstrou ser uma mulher de bom gosto cultural (e mau gosto em matéria de homens). Enquanto para nós, em sua maior parte, estão reservadas essas boazudas de meia tigela, vulgares e de mau gosto que parecem siris, com cocô dentro de suas cabeças.

Uma garota como Duff merecia um cara mais legal como marido, mas como tradicionalmente as mulheres não sabem escolher suas companhias, preferindo se casar com homens sem afinidade*, ela escolheu o seu primata de estimação para levar para a casa, como faz a maioria das mulheres legais e classudas aqui no Brasil.

Estamos de luto.

HILARY DUFF SE CASOU. BUÁÁÁÁÁÁÁ!!! BUÁÁÁÁÁÁÁ!!!

Do Popoholic - Tradução de Alexandre Figueiredo

Sinto muito se tenho que fazer essa chiadeira, especialmente na manhã de segunda, mas não quero ser o único cara chorando na quadra dos Cheerios esta manhã, então... Hilary Duff está oficialmente fora do mercado. Tudo bem, ela realmente se casou com seu noivo jogador de hóquei, Mike Comrie. Aqui está a notícia extremamente deprimente:

Mike Comrie e Hilary Duff agora são oficialmente marido e mulher.

A atriz, 22, e o jogador de hóquei canadense, se casaram durante uma cerimônica íntima em Santa Bárbara, Califórnia. O casal trocou juramentos no Mediterranean Villa La Quinta por volta de oito da manhã sob um arco de flores e diante de cerca de 100 convidados.

Sim, é mesmo ele e suas nada atraentes caretas nas fotos. Veja só... Eu realmente não pensava se a Duffster iria realmente andar pela ilha com sua maçaneta, mas, infelizmente, ela fez, e agora olhar agora estas fotos dos dois juntos é algo bem mais deprimente do que antes. Mike Comrie... Será mesmo!? O cara não é lá essas coisas como jogador de hóquei! Seja como for, eu reclamei imediatamente sobre esse relacionamento, e eu estou tão abatido para seguir com outro discurso, então parabenizo o casal sortudo... e quando eu digo sortudo eu só olho para o Comrie, e tão somente Comrie. Felicidades.

-------------------------------------------------------------
* NOTA: A maioria das pessoas acha que afinidade é dispensável para um bom relacionamento. Para elas só aquilo que elas chamam de "amor" é que é necessário para um relacionamento dar certo. "Amor"? Eles nem sabem o que é isso. O amor é necessário sim, mas não aquilo que a maioria das pessoas define como "amor".

Eu discordo dessa gente. Junto com o afeto, a afinidade é extremamente necessária para o sucesso de um relacionamento. Goste ou não, os divórcios estão aí para provar que eu estou certo. Que as empregadinhas e similares me esqueçam e enfiem seus cds piratas do Exaltasamba no rabo, que é onde deve ficar.

Aeronáutica regulamenta o que fazer com notificações de ovnis no Brasil

OBS: Muito boa esta decisão da Aeronáutica para tentar acabar com as polêmicas em torno de arquivos secretos e etc.. Também é uma forma de facilitar as pesquisas de confirmação de muitos casos de Ovnis e aparições de ETs em nosso país.

Com um universo tão imenso e em contente expansão, não dá para um mísero planetinha atrasado como o nosso ser o único habitado na imensidão do espaço.

Aeronáutica regulamenta o que fazer com notificações de ovnis no Brasil

Do G1, em São Paulo - 10/08/2010 12h56 - Atualizado em 10/08/2010 16h17 - Texto abaixo: Mariana Oliveira e Marília Juste, do G1, em São Paulo - 11/08/2010 08h00 - Atualizado em 11/08/2010 08h00

Pelo texto, comando deve apenas registrar e encaminhar 'ocorrências'. Destino final das notificações sobre óvnis é o Arquivo Nacional.

Uma portaria publicada nesta terça-feira (10) no Diário Oficial da União regulamenta como a Aeronáutica deve proceder com notificações de "objetos voadores não identificados" (óvnis) no espaço aéreo brasileiro. De acordo com o documento, o Comando da Aeronáutica (Comaer) deve restringir sua atuação neste campo ao registro de ocorrências e ao encaminhamento desses registros para o Arquivo Nacional.

O texto, portaria 551/GC3, de 9 de agosto de 2010, aponta ainda o Comando de Defesa Aeroespacial Brasileiro (Comdabra) como responsável por receber e catalogar as notificações referentes a óvnis. Os registros ("relatados por usuários dos serviços de controle de tráfego aéreo") devem seguir para o Centro de Documentação e Histórico da Aeronáutica (Cendoc), conforme determina a portaria.

O Cendoc, por sua vez, é indicado como responsável por arquivar cópias dos registros encaminhados e enviar os originais ao Arquivo Nacional.

Ufólogos comemoram decisão sobre ovnis, mas pedem mais arquivos

Especialistas no tema querem imagens de operação nos anos 1970. - FAB divulgou procedimento para casos de avistamentos de objetos.

Os ufólogos brasileiros receberam com bons olhos a determinação da Aeronáutica sobre óvnis (objetos voadores não-identificados) divulgada na terça-feira (10) no Diário Oficial (veja no vídeo ao lado). “É uma confirmação de que está ocorrendo uma mudança de pensamento e a Aeronáutica tem sido o carro-chefe dessa mudança. Mas ainda faltam muitos arquivos a serem liberados“, afirmou ao G1 Fernando Ramalho, coordenador da Comissão Brasileira de Ufologia.

De acordo com a portaria 551/GC3, de 9 de agosto de 2010, o Comando da Aeronáutica (Comaer) deve restringir sua atuação em casos do tipo ao registro de ocorrências e ao encaminhamento desses registros para o Arquivo Nacional. O texto ainda aponta o Comando de Defesa Aeroespacial Brasileiro (Comdabra) como responsável por receber e catalogar as notificações referentes a óvnis. Os registros ("relatados por usuários dos serviços de controle de tráfego aéreo") devem seguir para o Centro de Documentação e Histórico da Aeronáutica (Cendoc), conforme determina a portaria.

Ramalho encaminhou um pedido ao governo federal pela abertura dos arquivos sobre óvnis do país em 2008 e acredita que a determinação publicada na terça é um passo para responder esse requerimento.

Para o também ufólogo Luciano Stancka Silva, a publicação é um marco. “É a Aeronáutica admitindo, no Diário Oficial, a existência de objetos não-identificados. Esse tipo de determinação já existia dentro da Força Aérea há anos, sempre soubemos, mas sempre era algo secreto. Agora está aberto, para todo mundo ver”, afirma. “É um reconhecimento importante.”

Apesar do “primeiro passo”, os ufólogos ainda reclamam de falta de alguns arquivos que consideram importantes, como os da chamada “Operação Prato”, que teria ocorrido em 1977 em Belém, no Pará.

“Hoje temos certeza que a região Norte do país foi visitada por seres extraterrestres e o governo sabe disso. Só recebemos um resumo sobre a Operação Prato, com 130 fotos, quando sabemos que foram tiradas de 500 a 600. Onde está esse material?”, questiona Ramalho.

Em nota, a assessoria de imprensa da Aeronáutica afirma que os arquivos enviados ao Centro de Documentação e Histórico terão acesso liberado para a população. A assessoria também informou que nem todos os arquivos foram liberados, mas que isso irá acontecer gradualmente.

A Aeronáutica também ressaltou que "não dispõe de uma estrutura especializada para realizar investigações científicas a respeito desses fenômenos aéreos, restringindo-se ao registro de ocorrências e ao seu trâmite para o Arquivo Nacional".